Joias do casamento religioso do Príncipe Albert II de Mônaco com Charlene Wittstock

 

Minhas fontes ornamentais, informam que na família Grimaldi as noivas nunca usam tiaras na cerimônia de casamento. Por isso, Charlene Wittstock usou muitos diamantes compondo um arranjo de flores lindo de morrer, que me parece um em tremblant ou, em português castiço, treme-treme. Reparem que de cada lado ele foi montado de um jeito diferente. Do lado esquerdo, ele sobe em direção ao alto da cabeça.  O arranjo é formado por broches que pertenceram a Princesa Charlotte, mãe do falecido Príncipe Rainier, pai do noivo. Hoje eles pertencem à Caroline de Mônaco, irmã do noivo e herdeira do trono até que os noivos tenham um filho. Parece que há um desconforto por causa disso, mas o que interessa é que os broches foram emprestados e ficaram elegantíssimos.

Presente número 1 – Colar Infinite Cascade

 

Depois de uma cerimônia civil, que deixou a desejar para quem esperava muito glamour ou pelo menos um monte de joias, à noite houve um show de Jean Michel Jarre. O casal subiu ao palco para dar um oi e extasiar as massas amantes do bling, rs. Este colar maravilhoso foi o primeiro dos presentes de casamento que a gente teve o prazer de conhecer. Ele foi feito sob encomenda e inaugurou uma série de três peças com o tema mar, que cai muito bem para o herdeiro de um principado sobre o mediterrâneo e uma nadadora olímpica.

A peça se chama Cascata Infinita e foi criada pelo joalheiro libanês Naggib Tabbah. São 1.237 diamantes em lapidação brilhante e baguete, com 56,67 quilates, sobre ouro rosa. Tudo isso completado por seis pérolas em formato pêra, pesando 143, 76 quilates. E como brilha…

Presente número 2 – Tiara Ecume de Diamants

 

A moderna tiara usada por Charlene no jantar oferecido na noite do casamento religioso é uma realização de Lorenz Bäumer, o mesmo designer responsável pela Louis Vuitton Haute Joaillerie. Ele venceu um concurso, aparentemente informal, entre os principais joalheiros da Place Vendôme porque apresentou uma tiara moderna, com vocação para fascinator e igualmente informal. A peça foi batizada, numa alusão ao Mediterrâneo batendo nos rochedos de Mônaco, com o nome de Ecume de Diamants ou Diamonds Ocean Spray ou, na minha mequetréfica tradução, Tiara Espuma do Mar. Eu preferiria um sinônimo poético para respingos – alguém conhece?

São 11 diamantes em lapidação pêra – o maior com 8 quilates e mais um monte de diamantes em lapidações variadas montados em ouro cinza, mesmo material do anel de noivado.

A peça tem suas peculiaridades. Dois outros desenhos de Bäumer foram descartados durante o processo. A joia foi um exercício de engenharia: ela é assimétrica e exigiu alguns protótipos até chegar ao formato final que conseguiu equilibrar seu peso. Nas hastes foram usados diamantes em lapidação brilhante e baguete para obter o máximo de brilho possível com o movimento. Além disso, ela pode ser desmembrada em broche para ser usado sobre o ombro e duas presilhas para cabelo. Adorei essa tiara e vou ficar de olho nessa princesa que deve ser bem arrojada em seu gosto por joias.

Presente número 3 – Tiara Océan

 

Van Cleef & Arpels, joalheria oficial da família Grimaldi desde o casamento de Rainier e Grace em 1956, foi responsável pela criação da Tiara Océan. Ainda com o tema dos mares, marés e ondas, foi realizada uma terceira peça fantástica com 11 diamantes em lapidação pêra – o maior com 4 quilates, 883 diamantes e 359 safiras em 3 tons de azul, montados sobre ouro branco. Como toda boa criação de alta joalheria ela é versátil, podendo ser usada como colar também. Ela fica em exibição na exposição L’Histoire du Mariage Princier, no Museu Oceanográfico de Mônaco – um dos museus mais bonitos que eu já visitei, até novembro de 2011.

Quanto ao casamento civil, farei de conta que não aconteceu, tamanha a falta de joias na cerimônia, rs.

Se quiserem saber se ela tentou mesmo fugir na véspera do casório, se seu passaporte foi confiscado, se o noivo tem um terceiro filho ilegítimo e se ela assinou que só pode se separar depois de dar um herdeiro para o principado, não faço a menor idéia. Entretanto, isto é o tipo de coisa que eu encontro enquanto busco informações e imagens de joias da nobreza, rs.

Onze no jogo do bicho é cavalo. Desculpa, mas pensei nisso. O que posso fazer? Acho que vou apostar, rs.

Tags: , , , , ,