O anel do Pescador

O anel do Pescador

Inevitável tocar no assunto. Ontem o Papa entrou num helicóptero e saiu por aí… Lembrei da cena de abertura de La Dolce Vita, com uma estátua de Jesus sobrevoando Roma, pendurada de um helicóptero.

O Anel do Pescador é realizado em ouro maciço e destruído com um martelo de prata após a morte do papa, simbolizando o fim de sua autoridade e para que seja realizado o anel de seu sucessor com o mesmo metal. Isto acontece desde 1268, quando da morte de Clemente IV, embora haja diversos anéis que foram preservados. Trata-se simplesmente da manutenção de uma tradição medieval, importantíssima então, já que o anel servia parar selar documentos oficiais e particulares.

O anel atual tem uma imagem de Pedro, o pescador de almas, e o nome do pontífice em latim, retomando uma tradição cambaleante desde o século XIX, já que muito papas de lá para cá optaram por anéis mais simples. Ele foi realizado com 35 gramas de ouro, pelo joalheiro italiano Claudio Franchi, em 2005. A esta altura do campeonato, ele já deixou de existir.

La Dolce Vita, Frederico Fellini, 1960

La Dolce Vita, Frederico Fellini, 1960

Tags: , , , ,