O broche Walska Briolette apresenta uma fênix que carrega diamante amarelo na incomum (para um diamante) lapidação briolette que pesa incríveis 96,62 quilates. A peça tem ainda diamantes em lapidação brilhante e simples brancos e em diversos tons de amarelo, esmeraldas em lapidação pera e um belo cabochão de safira, em ouro amarelo. Van Cleef & Arpels, 1971

Este broche foi leiloado pela Sotheby’s na mesma sessão do diamante Pink Star. É uma peça surpreendente pelo desenho e por ter sido criada a partir de um diamante que pertenceu a uma proprietária apaixonada por joias exóticas e espetaculares. Ganna Walska foi uma cantora de ópera que, após descobrir que seu talento não faria dela uma Sarah Bernardt, dedicou sua vida a colecionar maridos milionários e joias extraordinárias.

Em 1971, o diamante foi comprado pela Van Cleef & Arpels também em leilão, quando Walska já tinha mais de oitenta anos. Logo em seguida, ele foi incorporado no desenho atual e vendido. A joia tem sido vista em algumas das exposições que a joalheria realizou nos últimos dois anos, mas não tinha voltado ao mercado até agora. Ele atingiu o valor de US$10.555.778 e tornou-se simultaneamente o briolette  e a joia da Van Cleef & Arpels com mais alto valor em leilão até agora.

Sempre falo do avesso das joias de alta joalheria e de como elas podem ser desmembradas para adquirir múltiplos usos. Este magnífico trabalho não é exceção. Asas, cauda e diamante tornam-se brincos, broche e pingente

Para quem se encanta com os detalhes como eu, aqui está a forma como o broche está construído. Não é o máximo?

 

Tags: , , , , , , ,